Publicidade - 5ª JNIAM

Publicidade - 5ª JNIAM
Jornada Nacional da IAM

segunda-feira, 28 de março de 2016

O continente ASIATICO

Ásia é o maior dos continentes
terrestres, localizada totalmente no hemisfério oriental, em maior parte no hemisfério setentrional e com uma pequena porção de terras no hemisfério austral. Existem, ao todo, 50 países asiáticos.
Além de possuir a maior área territorial (com 44.579.000 km²), abriga também a maior parte da população do planeta, com muitas de suas regiões alcançando as mais elevadas densidades demográficas já registradas. Se o continente asiático corresponde a um terço das terras emersas do planeta, seus habitantes correspondem a 61% da população mundial, com cerca de 4,299 bilhões de pessoas.
O país mais populoso do mundo atualmente se encontra na Ásia: a China, com aproximadamente 1 bilhão e 400 milhões de habitantes. No entanto, em alguns anos, ela deverá perder esse posto para a Índia (atual segunda colocada com 1 bilhão e 250 milhões de pessoas), que também se encontra no continente asiático.
A Ásia é, sem dúvidas, o continente dos extremos. Além da maior área e população, o continente também apresenta o maior país do mundo (a Rússia, com 17 milhões de km²), o ponto mais alto do mundo (o Everest, com 8.848 metros acima do nível do mar) e a depressão absoluta mais profunda (o Mar Morto, com 427 metros abaixo do nível do mar).
O relevo da Ásia abriga todas as formas existentes. As cadeias de montanhas que se destacam são a Cordilheira do Himalaia, ao sul da China; os Montes Urais, que se estendem no sentido norte-sul e separam a Ásia da Europa no território da Rússia; e as montanhas localizadas na região do Cáucaso. Os planaltos asiáticos, próximos às cadeias montanhosas, formam as regiões com as maiores altitudes médias do planeta, tornando a ocupação humana praticamente impossível nesses espaços em função das baixas temperaturas. Há também algumas zonas de planícies, com ótimos solos para agricultura, e que, por isso, contam com grandes contingentes populacionais.
Há também no continente asiático uma grande diversidade atmosférica, com dez tipos climáticos diferenciados: Equatorial, Mediterrâneo, Tropical Úmido, Tropical, Subtropical, Semiárido, Desértico, Frio, Frio de Montanha e Polar. Uma expressão climática característica também de uma parte do continente é a zona das Monções, com duas grandes estações – uma muito seca e outra muito chuvosa – que se manifestam em função das diferenças de pressão atmosférica ao longo do ano.
Os dois principais blocos econômicos da Ásia são a CEI (Comunidade dos Estados Independentes) e a APEC (Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico), sendo que esse último também conta com países das Américas. A CEI, na verdade, é composta por quase todos os países que faziam parte da extinta União Soviética, que, em face da constituição do socialismo, estão extremamente interligados estrutural e economicamente.
É na Ásia também que se encontram três dos cinco países que compõem os BRICS, como Rússia, China e Índia. Esses países são considerados como os de economia emergente, com grandes potenciais de crescimento. Outros países asiáticos que se encaixam nesse perfil são a Indonésia e a Coreia do Sul. A maior potência econômica da Ásia